NÃO ADOTE UM CORRUPTO DE ESTIMAÇÃO



Algumas pessoas enxergam o mundo "preto e branco", "bem versus mal", contudo há coisas que acontecem que só podem nos fazer bem. Uma delas é quando dois políticos brigam.


A política se estabelece na arte de fazer acordos a fim de garantir a sobrevivência política de todos. Deste modo, pessoas que se detestam, que conhecem uma conduta reprovável um do outro, se unem para que nenhum dos dois se prejudique. Isso cria uma paz falsa e encobre a corrupção.

Diferentemente, a guerra entre Dilma e Cunha, só tem a favorecer ao país. Por causa disto, o Procurador Geral da República acelerou as investigações contra o Presidente da Câmara de Deputados e "vazou" informações públicas para desgastar a imagem de Eduardo Cunha para a população, desta forma ele tem rejeição de 80%. Não obstante, como resposta Eduardo Cunha fez oposição ao governo, investigou as pedaladas fiscais, os crimes de responsabilidade e enfim aceitou o pedido de impeachment. 

Não há razão para escolher um lado. Dessa briga, a tendência é que morram os dois. Qualquer um dos dois que vença representará metade de uma corrupção encoberta. Mas enquanto eles brigarem, mais sujeiras serão exibidas, menos aparelhamento haverá.

Sabe-se que a estratégia tanto do governo, quanto de Eduardo Cunha é a de desviar a atenção de si para o outro. Contudo, tanto um, quanto o outro sabe que o melhor caminho seria uma aliança. Essa aliança aconteceu, recentemente, o PT vem dando cobertura ao Presidente da Câmara de Deputados e o protegendo no Conselho de Ética e, em troca, Eduardo Cunha vem acelerando as votações de interesse do governo e segurando os pedidos de impeachment, contudo por causa desta aliança a oposição passou a pressionar o Presidente da Câmara e chegou a ir ao STF para impedir que Cunha abra os procedimentos durante reunião do Conselho de Ética. Acuado Cunha pedia ainda mais proteção do governo que não é capaz de dar, sobretudo porque parte do próprio PT na Câmara é oposição ao governo e quer o impeachment da Dilma, deste modo, não restou outra coisa a não ser um novo enfrentamento e, desta vez, destravando a bomba relógio do impeachment, que apenas precede a investigação contra o deputado no Conselho de ética.


Existem grupos políticos que gritam #foraCunha, mas não pressionam nem Renan Calheiros e nem o Procurador Rodrigo Janot - que protege o governo - e nem a Dilma. Outros gritam apenas #foraDilma. Ambos agem como se fosse necessário escolher, nesta disputa, um político para chamar de seu. Não percebem que existem somente dois lados: Os que são a favor da corrupção e os que são contrários, e que, dentre os favoráveis a atos ilícitos, existem graduações. Dilma - e o PT - e Eduardo Cunha representam graduações da corrupção



A corrupção do Eduardo Cunha é para enriquecimento próprio. O deputado participou de esquemas de corrupção para que sua mulher pudesse fazer aulas de tênis e para que ele pudesse ter uma vida abastada. Dilma, no entanto, corrompeu-se para destruição institucional do país. Sua campanha foi munida de dinheiro desviado da Petrobrás, além disso ela cometeu crime de responsabilidade, que também é corrupção, também é desvio de dinheiro público. Colocou dentro do Superior Tribunal Federal Ministros que atuam, claramente, para protegê-la, tal como Ricardo Lewandowski e o ex-advogado do PT, Ministro Dias Toffoli. Para tanto seu partido criou esquemas de corrupção nas estatais. 

Nem Dilma e nem Cunha demonstram a honestidade que deve-se possuir para representar a população brasileira. Tanto um, quanto o outro, roubaram dinheiro fruto do nosso trabalho para proveito próprio, empobrecem o nosso país e a continuidade de um dos dois, ou dos dois, representa o agravamento de todos os males que assolam a nossa nação, então por que adotar um deles para chamar de seu?

Se eu pudesse dar um só conselho seria "não escolha seu corrupto de estimação", corrupto tem que ser investigado, condenado, 'impeachmentmado' e preso. Gritem contra Cunha e gritem contra a Dilma e que eles se digladiem e morram juntos para exposição em praça pública e limpeza ética do Brasil.
#foraCunha, ‪#‎foraRenan‬ #foraDilma ‪#‎foraPT‬ #foraJanot #foraLula

Nenhum comentário:

Postar um comentário