A metástase do preconceito



Essa charge, que não deve ser entendida apenas como uma reflexão sobre mulheres e sim sobre pessoas, retrata muito bem os padrões de palavras que adotamos para rotular os outros, sem questionar o contexto onde elas estão inseridas.

Existem palavras que, quando ditas por outra pessoa, despertam em nós um alerta que nos faz presumir tudo o que o outro disse, vai dizer e pensa. Uma ou duas palavras, geralmente já bastam.

No campo intelectual, recentemente o filósofo Paulo Ghiraldelli foi chamado de pedófilo, tudo porque escreveu um texto sobre sexo entre adultos e crianças e impedido de prosseguir com um evento dentro da sua própria Universidade porque um grupo de alunos o chamou de machista e homofóbico. Luiz Felipe Pondé também foi expulso de um evento porque supostamente seria racista por se opor as políticas de cotas. Completou um ano a poucos dias o texto sobre tortura do psicanalista Contardo Calligaris na Folha que precedeu uma série de acusações de que ele estava incitando a violação de direitos humanos. 

A DIFERENÇA ENTRE AS MANIFESTAÇÕES NA VENEZUELA E BRASIL




QUAL A DIFERENÇA ENTRE AS MANIFESTAÇÕES NA VENEZUELA E NO BRASIL?

Venezuelanos e brasileiros tem em comum apenas o fato de estarem insatisfeitos e de serem fortemente reprimidos pelo Estado, contudo o objeto da insatisfação é completamente diferente e isso é fundamental para responder essa questão.

A violência nas manifestações














A VÍTIMA E AS VÍTIMAS



Eu me posiciono a favor das manifestações contra o governo, principalmente esse "nosso" governo, mas ainda me sou contrário as revindicações (+ saúde, +educação, +Estado, etc.) e, SOBRETUDO, aos métodos violentos, tanto aqueles que intentam agredir propriedade privada e jornalistas, quanto aqueles que agridem o direito das pessoas de ir e vir.